MUSEU DA LÍNGUA PORTUGUESA NA 17ª EDIÇÃO DA FLIP

Flip Slam vai reunir poetas de seis países, dentro da programação principal; Slam da Língua Portuguesa terá microfone aberto ao público e Museu realiza também mesa literária com o angolano Kalaf Epalanga.

O Museu da Língua Portuguesa promove o primeiro slam internacional da Festa Literária Internacional de Paraty – Flip, no próximo dia 12 de julho. A batalha de poesia falada Flip Slam, parte da programação principal da Flip, vai reunir poetas de seis países e integra uma série de ações gratuitas que trazem o slam para o centro da programação da 17ª edição da Festa Literária.

No dia 13/7 o Slam da Língua Portuguesa terá apresentações de artistas brasileiros e microfone aberto para participação do público. Na programação principal, o Museu apresenta, ainda, mesa literária com a participação do músico e escritor angolano Kalaf Epalanga do rapper e romancista natural do Burundi, Gaël Faye.

A participação do Museu da Língua Portuguesa na 17ª Festa Literária Internacional de Paraty – Flip é iniciativa da Fundação Roberto Marinho e do Governo de São Paulo, com patrocínio da EDP, Grupo Globo e Itaú Cultural.

A EDP, multinacional do setor elétrico e principal patrocinadora da reconstrução do Museu da Língua Portuguesa, traz à Flip o show de Adriana Calcanhotto e exposição A Energia da Língua Portuguesa.

Na programação oficial da Flip, a escritora e artista plástica Grada Kilomba é a convidada da Mesa EDP (sexta-feira, 12/7, às 19h, no Auditório da Matriz).

Leia o release completo com mais informações do evento. Clique aqui.

 

#Nem1SemLeitura #Nem1SemCultura

 
O conteúdo do nosso site pode ser acessível em Libras usando o VLibras